Farmácia Biguaçu
A sua farmácia de confiança.
LESÕES ARTICULARES – REABILITAÇÃO OU PREVENÇÃO?

Por Dr. Guilherme Garcia Teixeira – Fisioterapeuta CREFITO 238098

 

     Em clínicas e equipes esportivas, nos deparamos muito com pacientes à procura de tratamentos de lesões crônicas e muitas vezes incapacitantes. Nesse grupo de lesões, comumente encontramos as chamadas lesões articulares, que podem variar em graus de gravidade, limitação de função, dor e perda de mobilidade.

 

     Podem ocorrer de maneira traumática, por exemplo durante a prática esportiva ou atividade laboral, porém as mais comuns são as degenerativas, que levam uma quantidade de tempo considerável para se desenvolver até o ponto de gerar sintomas para o paciente. Dentre exemplos podemos citar as famosas artroses, que são degenerações da cartilagem que protege o impacto entre os ossos de uma articulação, assim gerando atrito entre ossos que causam dor, inchaço e limitações no dia-a-dia.

 

 

     Os tratamentos para esse tipo de lesão podem ser realizados por diferentes profissionais da saúde, o profissional de educação física, o médico e o fisioterapeuta. Cada um atuando no seu âmbito e de maneira complementar. Na fisioterapia, o paciente precisará passar por um processo de avaliação onde serão detectados as causas para seus sintomas e assim se montará um plano de tratamento. Geralmente, o tratamento envolve técnicas e terapias para alívio da dor e inchaço, bem como exercícios terapêuticos que a longo prazo estabilizarão a articulação afetada e assim reduzirá o atrito entre as partes. Por fim, o fisioterapeuta orientará sobre a importância da prática de atividade física e manutenção da força muscular, para prevenir que a cartilagem se degenere e a lesão articular piore.

 

     Portanto, por que esperar a lesão se instalar? Por que não prevenir?

 

     Fica a nossa dica para que a população entenda melhor o processo de prevenção na saúde. Esse processo pode ser feito com fisioterapeutas, profissionais de educação física, médicos ou nutricionistas. Cada um avaliará de que maneira pode ajudar com seu trabalho, mas uma coisa é certa, manter o corpo fisicamente ativo, de preferência com uma mecânica adequada, e com a parte nutricional em dia são chaves no processo! A longo prazo é uma economia de tempo, dinheiro e é claro, de saúde.

 

 

Dr. Guilherme Garcia Teixeira

Fisioterapeuta CREFITO 238098

Sócio-Proprietário Clínica Fisiotrauma – São José/Campinas

Fisioterapeuta Equipe Taekwondo São José

Fisioterapeuta Desterro Rugby Feminino

Fisioterapeuta Atlético Catarinense Futebol 7

Voltar

Deixe seu comentário: